terça-feira, 14 de julho de 2020

Não às demissões. Em defesa dos empregos. Assembleia TI Brasil

O Sindicato dos Químicos realizou mobilização com os trabalhadores e trabalhadoras da TI Brasil, em São José dos Campos, na manhã desta terça-feira, 14, em defesa dos empregos. A empresa anunciou ontem o fechamento da unidade na cidade. O encerramento das atividades ocorreria até dezembro ou início de 2021. Os trabalhadores e o Sindicato dos Químicos não aceitam que a classe trabalhadora paguem o custo da crise desta pandemia. É obrigação dos governos federal, estadual e municipal manter os empregos. Não é possível que ao menor sinal de queda no lucro ou de mais uma crise do sistema os trabalhadores sejam punidos com a perda dos empregos.

Os trabalhadores votaram repúdio à decisão da empresa, que esperamos reverter, decidiram cruzar os braços no dia de hoje e exigir uma reunião com a empresa para tratar do tema. Não podemos aceitar pagar o custo desta pandemia ou das crises sistêmicas do capital. Em defesa dos empregos! Em defesa dos postos de trabalho dos trabalhadores e trabalhadoras que tanto lucram geraram para esta empresa.

Além da direção do Sindicato, a mobilização contou com o apoio do Sindicato dos Metalúrgicos e de militantes da CSP-Conlutas e da Unidos Pra Lutar.

#EmDefesaDosEmpregos
#QueOsRicosPaguemPelaCrise

image

sábado, 11 de julho de 2020

Desgoverno Bolsonaro

Bolsonaro é considerado o pior líder mundial no combate ao COVID-19. Ele não tem programa, não tem nem ao menos ministro da saúde - usa um militar como tapa buraco - dispara fake news sobre o combate à doença, é incapaz de sentir empatia pelas famílias das vítimas. É um antipresidente!

image

quarta-feira, 1 de julho de 2020

image

terça-feira, 30 de junho de 2020

image

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Assembleia com os trabalhadores da Bayer (Monsanto)

imageO Sindicato dos Químicos realizou assembleia com atraso com os companheiros da Bayer (antiga Monsanto) na manhã desta segunda-feira, 29. Companheiros do Sindicato da Alimentação e do movimento do Banhado estiveram presentes prestando solidariedade a nossa luta. Há dois casos confirmados de COVID-19 na empresa, que se recusou em negociação a testar todos os trabalhadores próprios e terceirizados. Esta mesma luta já ocorreu na Compass, na Vet&Cia e na Tarkett, em Jacareí, que, após a mobilização e reivindicação dos trabalhadores e trabalhadoras, aceitaram testar todos os companheiros destas fábricas.

Os trabalhadores e trabalhadoras da Bayer votaram por unanimidade que a empresa teste os funcionários, incluindo todos os valorosos companheiros terceirizados, e dê a devida assistência a todos os possíveis contaminados. Em função da assembleia com atraso, a empresa chamou nova reunião com o Sindicato. A luta segue e é em defesa da vida!

sexta-feira, 26 de junho de 2020

Segurança contra o COVID-19

Confira o vídeo do Sindicato dos Químicos sobre os meios de transmissão do novo coronavírus, as formas de precaução e como agir ante o risco de contágio no ambiente de trabalho. Caso a empresa não cumpra as normas de segurança sanitária, procure um dirigente sindical.

quarta-feira, 24 de junho de 2020

Luta na Vet&Cia contra a exposição ao Covid-19

O Sindicato dos Químicos tem acompanhado e exigido o teste do Covid-19 em todas as empresas químicas da região. Temos realizado muita negociação com as fábricas para a dispensa dos grupos de risco, licença-remunerada, fiscalizado as condições de higiene e o cumprimento dos protocolos sanitários contra a exposição a doença.

Na Vet&Cia, de Jacareí, conseguimos com muita luta e organização dos trabalhadores a higienização completa da unidade e a realização do teste do Covid-19 em todos os trabalhadores e pessoal de apoio que frequenta a unidade (prestadores de serviço etc.).

Na noite de ontem, a empresa avançou na negociação com a direção do Sindicato e atendeu as nossas reivindicações. A saúde dos trabalhadores e trabalhadoras tem que estar acima de qualquer outro ponto.

O protocolo de segurança sanitário na empresa inclui:

1) Higienização em toda a empresa e liberação de todos trabalhadores nesta quarta-feira, 24;
2) Realização de Teste do Covid-19 em todos os trabalhadores, incluindo os terceirizados, prestadores de serviço e portaria;
3) Entrega de todos os resultados do exame em mãos a todos trabalhadores;
4) Monitoramento de um caso já confirmado e de sua família;
5) Realização de campanha contra o Covid-19 dentro da Empresa;
6) Campanha de reeducação do uso do EPC e EPIs.

Parabéns aos trabalhadores por esta conquista. A segurança é dos trabalhadores e dos seus familiares. Todo cuidado é pouco para evitar o risco de contágio e achatar a curva de contaminação no país. Segue a luta!

image

quinta-feira, 18 de junho de 2020

Em Defesa do SUS

image

Não relaxe, todo cuidado é pouco, o vírus é mortal!

image

terça-feira, 9 de junho de 2020

Avanços para os trabalhadores da Tarkett

O dirigente Carlos Souza, trabalhador da Tarkett, fala sobre os avanços na negociação com a empresa sobre a MP 936, editada para o período de pandemia. Os trabalhadores conquistaram o recebimento de 100% dos salários com redução da jornada de trabalho e estabilidade de emprego até setembro.

Mobilização na Tarkett, em Jacareí

A direção do Sindicato realizou assembleia esta manhã, 09/06/2020, com os companheiros da Tarkett. Falamos sobre o combate ao racismo, pauta do dia em mobilizações no Brasil e no mundo; o combate ao covid-19, o fracasso da gestão de saúde do governo Bolsonaro e os avanços dos trabalhadores da empresa na negociação sobre a MP 936. Esta MP do governo federal cria uma série de pontos negativos aos trabalhadores e pode ser usada, neste momento, como mais uma forma de reforma trabalhista.

Assim, conseguimos derrubar vários pontos da aplicação da MP em negociação com a empresa e avançamos com estabilidade de emprego até setembro, 100% do salário e redução da jornada sem redução de rendimento. Os trabalhadores aprovaram a negociação.

Parabéns, companheiros pela mobilização! Aqui não teve arrego! Segue a luta!

image

sexta-feira, 5 de junho de 2020

Vidas Negras Importam!

Vidas negras importam! Justiça para todos os negros e negras vítimas do racismo estrutural e assassinados pela polícia! Por uma mudança social profunda contra o racismo e toda forma de discriminação!

image


Desgoverno

Quase 35 mil mortes até esta sexta-feira, 5. Há dois meses, o governo do antipresidente Bolsonaro e o alto empresariado diziam que não poderíamos ficar em casa por causa de 5 ou 7 mil mortes. O boicote do governo federal e do empresariado bolsonarista é responsável por estas mortes. Não foi acidente. Foi uma política deliberada contra a vida!
Fora Bolsonaro e Mourão!

image


sexta-feira, 22 de maio de 2020

Entrevista com os dirigentes Cristiano e Reginaldo–Rádio Mensagem

Confira a participação dos dirigentes do Sindicato dos Químicos na rádio Mensagem, de Jacareí, sobre o protocolo de segurança contra o COVID-19 nas empresas químicas.

quinta-feira, 21 de maio de 2020

Assembleia com os trabalhadores da Tarkett - Jacareí

A direção do Sindicato realizou mobilização com os trabalhadores da Tarkett, em Jacareí, nesta manhã, em defesa da revogação da MP 936 no setor administrativo e a exigência de teste para COVID-19 para todos os trabalhadores. Segue a luta!

terça-feira, 19 de maio de 2020

A base em luto

imageO Sindicato dos Químicos presta solidariedade à família do companheiro Eliezer Mariano, que faleceu ontem, 18, de infarto fulminante. Eliezer foi presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Campinas/SP e dirigente da Intersindical (central sindical). Militou em importantes momentos da luta da classe trabalhadora, como: o combate à Ditadura Militar, as greves históricas das décadas de 1970 e 1980, a criação do PT e da CUT e o combate aos pelegos no movimento sindical. Eliezer foi exemplo para várias gerações de militantes e dirigentes sindicais. Sempre cativou amizades sinceras e desejos de uma transformação social que tivesse o trabalhador como protagonista. Era um lutador essencial, daqueles que não abandonam a luta! Fará muita falta. Nossos sentimentos à família. Sua luta continua. E ele estará sempre em nossas memórias como o valoroso companheiro que foi!

segunda-feira, 18 de maio de 2020

Exames confirmam mais 18 trabalhadores químicos contaminados na Compass

imageOs exames para verificar a contaminação pelo COVID-19 nos trabalhadores da Compass Minerals, em Jacareí, apontaram 18 novos contaminados. Um trabalhador está internado. Os outros seguem o tratamento em quarentena domiciliar.

Os testes foram realizados após uma paralisação do Sindicato dos Químicos, na última quinta-feira, 14, para exigir a realização do exame em todos os trabalhadores e trabalhadoras. Isso porque três funcionários da empresa já haviam testado positivo para o novo coronavírus.

No total, 21 trabalhadores da empresa estão contaminados. Nesta segunda-feira, 18, a empresa está providenciando mais 150 kits de testagem para ampliar a coleta de exames.

Para o dirigente do Sindicato dos Químicos e funcionário da empresa Reginaldo Souza, “é preciso testar todos os funcionários diretos, terceirizados e prestadores de serviços com presença frequente na empresa. Este vírus tem uma grande facilidade de contaminação. Por isso, é preciso ampliar as testagens.”

“O Sindicato vai acompanhar a volta dos trabalhadores não contaminados ao trabalho, a abertura de CAT para os companheiros contaminados e exigir o reconhecimento do nexo causal, que é uma luta da classe trabalhadora do país neste momento de pandemia”, completa.

Segundo Reginaldo, “também é importante a empresa ampliar os testes para os familiares dos trabalhadores testados positivos. A curva de contágio tem que ser contida dentro de casa para que estes funcionários possam se recuperar sem o risco do vírus circular na quarentena destes trabalhadores”.

Vale ressaltar que os decretos do governo federal desobrigaram a realização de exames médicos periódicos pelas empresas e até amenizaram a fiscalização das condições de trabalho, neste momento. Ambas as decisões são muito graves, estão facilitando a propagação da contaminação e atrasam a reabertura da economia. A detecção o quanto antes da contaminação ajuda a conter a curva de contágio, evita a superlotação dos hospitais e o esgarçamento do SUS (Sistema Único de Saúde).

A direção do Sindicato dos Químicos presta total solidariedade aos trabalhadores vítimas desta pandemia. A saúde e a vida têm que estar acima da produção.


quinta-feira, 14 de maio de 2020

Avanço na Compass - Jacareí

A manhã de mobilização dos trabalhadores e trabalhadoras na Compass, em Jacareí, encerrou-se com a conquista da realização de exames do COVID-19 em todos os funcionários da empresa. A coleta de sangue para o exame já ocorreu no começo da tarde. Todos os trabalhadores fizeram o teste e foram dispensados. Os companheiros serão comunicados dos resultados e só a partir de então serão chamados a retornar ao trabalho.

Esta é uma conquista importente por colocar a saúde e vida dos trabalhadores acima da produção. Três companheiros já haviam testado positivo para o COVID-19.

Esta discussão ressalta a perversidade das MPs editadas pelo governo que desobrigam as empresas de exames ocupacionais durante a pandemia, constrange a fiscalização das condições de trabalho e dificultava o reconhecimento do nexo causal, medida derrubada na justiça.

A defesa da saúde dos trabalhadores se dá no chão da fábrica e no combate às medidas absurdas e falhas deste governo no controle da pandemia e tratamento dos infectados.

Parabéns aos companheiros (as) da Compass pela mobilização e exigência do direito de realização imediata dos exames para o tratamento de possíveis infectados e o controle da pandemia dentro do ambiente de trabalho.

Só a luta garante a vida!

Vitória dos trabalhadores da Compass Minerals

Vitória dos trabalhadores! O Sindicato dos Químicos realizou paralisação com os trabalhadores e trabalhadoras da Compass Minerals, em Jacareí, na madrugada desta quinta-feira, 14. Isso porque há três casos confirmados do novo coronavírus na empresa. A contaminação foi na fábrica. Duas confirmações saíram ontem, 13.

Para o dirigente do Sindicato dos Químicos e funcionário da empresa Reginaldo Souza, “o Sindicato irá manter a mobilização até que todos os trabalhadores sejam testados para o COVID-19 e as medidas de segurança sejam reforçadas”.

Segundo o dirigente Wellington Luiz Cabral, “é um absurdo que as pessoas sejam expostas ao vírus em ambiente de trabalho. Várias empresas concederam licença-remunerada. Isso é o ideal, ficar em casa.”

Os trabalhadores conquistaram com a mobilização o direito ao exame imediato do COVID-19. Logo após negociação com o Sindicato, a empresa está providenciando kits de teste rápido para o exame ainda hoje. Os trabalhadores serão dispensados após o exame, comunicados do resultado assim que estiver pronto e só então serão convocados para o retorno ao trabalho.

Parabéns, companheiros pela mobilização! A vida e a saúde têm que estar acima de tudo!


image

quarta-feira, 13 de maio de 2020

Mobilização com os trabalhadores da VET&CIA

Os dirigentes Cristiano Hidalgo e Reginaldo Souza realizaram nova mobilização com os trabalhadores da VET&CIA na manhã desta quarta-feira, 13. Os companheiros se mobilizaram ontem e conquistaram estabilidade de emprego de 60 dias, o que é uma grande vitória ante as dificuldades criadas pela pandemia do COVID-19. Confira a assembleia de hoje. Parabéns aos trabalhadores e trabalhadoras pela conquista!

Químicos perdem um companheiro de luta para o COVID-19

O novo coronavírus vitimou o companheiro Júlio Cesar Sacramento, da FETQUIM (Federação dos Trabalhadores do Ramo Químicos do Estado de São Paulo). Júlio (de óculos na foto abaixo) ocupava o cargo de assessor de Políticas Sindicais e Sociais da federação.

O companheiro lutava contra um câncer no cérebro e não teve forças para reagir ao COVID-19. Júlio deixa esposa e dois filhos.
A FETQUIM e o Sindicato dos Químicos prestam condolências à família e agradecem o empenho do companheiro ao longo da história na construção da Convenção Coletiva da categoria, na organização dos trabalhadores e na defesa das nossas lutas políticas contra a exploração dos governos e patrões.

Luto na categoria
No dia 5 de abril, a categoria química do estado perdeu o companheiro Fábio Pereira de Oliveira, vítima de infarto aos 40 anos. Fábio era trabalhador da empresa Cromus, de Mauá, e dirigente do Sindicato dos Químicos do ABC.
Nossos sentimentos à família!

*com informações e imagens da FETQUIM.

Notícias anteriores